sexta-feira, julho 28, 2006

Gritar, gritar, gritar!

Não, não se trata de uma referência ao slogan de um anúncio a pensos higiénicos! É mesmo o que me apetece fazer neste momento. Ele há dias que mais valia estar quieto na cama.
Acordei com o pulso aberto e cheio de dores. Depois, no caminho para o trabalho, corri meia cidade para encontrar uma farmácia aberta e que me vendesse uma banda elástica para o pulso. Foi à quinta tentativa!
Agora, depois de almoçar, resolvi limpar as lentes dos óculos, pois já estava com uma visão tipo Londres em dia de nevoeiro cerrado, acabei por partir a armação ...
Arrrrrrrrrrrghhh!!!!!

Sem comentários: