segunda-feira, abril 16, 2007

Síndrome de ...

“Ce l'hanno tutti con me perché sono piccolo e nero. E' un'ingiustizia però...”


... Cheira-me que ando a exagerar na casca de ovo...
Há dias que sinto uma conspiração interplanetária contra mim que não me deixa vencer na adversidade.
São umas atrás de outras... ainda nem recuperei de uma pazada de terra e já estou a levar com outra em cima.
Sinto-me cada vez mais submerso, mas vou limpando a areia, acreditanto ainda que vou sair do buraco!
Mas há dias que desisto, fico esgotado de tanto esgravatar para chegar de novo à superfície, só me apetece enfiar dentro de uma casca e lá permanacer, sossegado, quieto, imóvel, para que não notem que existo e assim se esqueçam de mim...
E assim se vão vivendo os dias!

3 comentários:

Anónimo disse...

Tudo o que sonhas existe. Não é somente fruto da tua imaginação, um sonho impossível, o querer só as estrelas. Tudo existe, é real, e muitas vezes está tão perto de nós que nem nos apercebemos porque a desilusão - muitas vezes - dá cabo da nossa estúpida e esquecida lucidez. Mas aos poucos, como um elevador do princípio do século, lentamente e sem dor, nós voltamos a ser quem éramos e começamos a lembrarmo-nos de nós próprios...

Aline disse...

Oi Eduardo... falo do Brasil... minha amiga Andréia que indicou seu blog. E acho ele muito bom, com coisas interessantes e fotos bem legais. E por um acaso, me identifiquei com a sua mensagem da casca do ovo. A minha "casca" eu costumo chamar de bat-caverna, mas adoro!! Lá é muito bom e tem horas q não dá vontade de sair mesmo! ;O)

Graphic_Diary disse...

Olá Aline!
Obrigado por teres deixado um comentário. É sempre bom ter algum retorno de quem lê as nossas divagações.
É isso mesmo! Acho que todos nós temos a nossa casca, caverna, concha, para onde nos recolhemos de vez em quando para repor as nossas energias e organizarmos o nosso caminho... ou simplesmente estar em paz.
Um abraço deste lado do Atlântico e espero que continues a passar por aqui.