segunda-feira, agosto 06, 2007

Há noites assim

Esta noite devo ter tido um daqueles "encontros" antigos, ou talvez tenha sido "só" um pesadelo como há muito não tinha.
Assustei a minha cara metade que acordou com a minha fala num tom ameaçador, numa voz que não era a minha. Tentou tranquilizar-me, meio a medo, contou-me esta manhã.
Eu lembro-me, vagamente, de ter acordado assustado e com medo de mim mesmo, aflito por não me sentir em mim.
Tenho passado o dia com uma ansiedade e com uma tristeza profunda, esgotado, como se tivesse passado a noite a correr, a lutar contra alguma coisa ou contra alguém que não consigo perceber...
Não consigo fazer nada, sinto-me como que imobilizado por dentro, com uma "branca" gigantesca, com se me tivessem lobotomizado...
Odeio dias assim e as noites, nem vos falo!

2 comentários:

Mimulus [Andreia] disse...

Seja o que for que esteja te causando isso, desejo sinceramente que se afaste de ti.
Muita energia boa pra você.
"May the Heaven bless your path. Love and Light and Power fill your heart, all through your life."

Graphic_Diary disse...

Muito obrigado pela energia positiva!
Um abraço do tamanho do mundo deste lado do Atlântico.